SEM I

Pavimentação asfáltica da avenida que liga Areias a Potecas dá inicio ao Anel Viário de São José

Prefeito Orvino e secretário Nardi preveem conclusão das obras até março de 2024 e que elas vão impactar na vida de mais de 100 mil pessoas

Por Administrador em 08/11/2023 às 17:56:44
Foto/Divulgação

Foto/Divulgação

O Anel Viário de São José, que tem objetivo de desafogar o trânsito da BR-101 e estabelecer uma conexão Norte-Sul dentro do Município, começa a se tornar realidade com o início, nesta quarta-feira (8), da pavimentação asfáltica da nova avenida que vai ligar a Avenida das Torres, em Areias, a Rua João José Martins, em Potecas. A nova avenida está prevista para ser concluída até 20 de janeiro de 2024, após receber obras de calçadas com acessibilidade, iluminação pública e sinalizações horizontal e vertical.

O prefeito Orvino Coelho de Ávila e o secretário de Infraestrutura, Nardi Arruda, estiveram vistoriando as obras nesta quarta-feira e anunciaram que será refeita a rótula existente na avenida das Torres, em frente a Rua Hamilton Ferreira, além de um trecho de terceira pista no acesso a nova avenida, como forma de facilitar o trânsito de caminhões. A nova avenida, com um quilômetro de extensão, terá duas pistas duplas e calçamento em todo percurso, representa um investimento de R$ 5 milhões. "É uma nova avenida que trará mais desenvolvimento a essa região", reforça Orvino.

Paralelo as obras da nova avenida, a Prefeitura já pavimentou as ruas Hamilton Ferreira, Itália e Maria de Oliveira, facilitando o trânsito até a marginal da BR-101, próximo ao antigo Favorita Golden Hotel e Eventos. "São cerca de 2,5 quilômetros de ruas pavimentadas que facilitam o acesso a avenida das Torres. Essas ruas é que dão início ao futuro Anel Viário de São José previsto para ser concluído em março de 2024", enfatizou o prefeito.


Nova ponte

O secretário Nardi explica que depois da nova avenida, na Rua João José Martins, em Potecas, a Prefeitura também estará iniciando na semana que vem a pavimentação asfáltica de uma nova avenida com cerca de 500 metros no Loteamento Recanto da Natureza, em Forquilhas, que deverá estar concluída até o final do ano. Após esse trecho, também previsto para ser liberado em dezembro o trânsito sobre a nova ponte sobre o Rio Forquilhas, em Forquilhas, interligando os loteamentos Recanto da Natureza e Lisboa 1.

A ponte está sendo construída no final da Rua Francisco Ignácio do Nascimento e a obra contempla, além da pista de rolamento, espaço para passeio e ciclovia. De acordo com o prefeito a nova ponte e as obras complementares representam um investimento de R$ 7 milhões de recursos próprios da Prefeitura. "É uma obra extremamente importante e essa conexão beneficiará cerca de 20 mil pessoas na localidade e aproximadamente 100 mil no total, incluindo os loteamentos Recanto da Natureza e Lisboa 1".


Beira-Rio Forquilhas

Após esse trecho, o Anel Viário de São José prossegue pela Rua Antônio Jovita Duarte até encontrar a futura Beira-Rio Forquilhas. Considerada a principal obra de mobilidade urbana de São José, a Avenida Beira-Rio Forquilhas foi idealizada há duas décadas e está prevista para ser concluída até março de 2024.

Com um investimento de R$ 57.249.900,44, a nova avenida Beira-Rio fica nos limites dos bairros Sertão do Maruim, Forquilhinha, Forquilhas, Flor de Nápolis, Potecas, Picadas do Sul e Distrito Industrial, e o trecho 2 servirá de conexão da Rua Antônio Jovita Duarte com a rodovia estadual SC- 281.

De acordo com o secretário Nardi, em dezembro inicia a pavimentação asfáltica da Beira-Rio Forquilhas e em março estará concluída. A via terá a extensão de aproximadamente 4,5 km, até a SC 281.

Para o prefeito Orvino Coelho de Ávila, a obra que fará com que São José avance para um futuro ainda melhor. "Essa é uma obra também com um caráter social. Ela vai mudar toda aquela região. Vai impactar a vida de mais de 100 mil pessoas que transitam e moram nos bairros do entorno. A cidade só pode crescer para aquele lado, e precisamos fazer isso de maneira ordenada. Quanto melhor a infraestrutura, melhores serão as construções".


Comunicar erro
Ondrepsb 1
Ondrepsb 2
Ondrepsb 3
Ondrepsb 4
Orsitec